segunda-feira, 30 de junho de 2008

Boas notícias!!!

No outro dia uma amiga minha falou-me sobre um jornal que apenas traz boas notícias...
Achei uma ideia boa...pois muitas vezes as más notícias conseguem sobressair às boas, fazendo muitas vezes com que estas sejam esquecidas...assim, desta maneira, elas fazem-se notar...;)

Enquanto este espaço anda meio "paradote" dá lá um saltinho...


(carrega sobre a imagem)


.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Todos os dias

video


Erga-me, oh, do fundo
Até o topo, amor, todos os dias

Não dê importância a insultos ou progressos

Eu me arrisco todos os dias


Da esquerda pra direita

Pra cima e pra baixo, amor

Eu acrescento, amor, todos os dias

Se jogue na lama, oh,

Suje as suas mãos com...

Ame tudo todos os dias


Tudo que você precisa é

Tudo que quer é

Tudo que precisa é amor.

Tudo que você precisa é

O que você quer é

Tudo que precisa é amor.


Erga-me, amor, desde o fundo

Até o topo, amor, todos os dias

Não dê importância a insultos ou progressos

Eu vou me arriscar, todos os dias


Da esquerda pra direita,

Pra cima, pra cima e de dentro pra fora

Lute por amor bom todos os dias

Se jogue na lama, lama

Suje suas mãos, amor

Desista, amor

Todos os dias


Tudo que você precisa é

Tudo que quer é

Tudo que precisa é amor.

Tudo que você precisa é

O que você quer é

Tudo que precisa é amor.


O que você tiver

Derrame sobre mim

O que você tiver

Derrame sobre mim


Tudo que você precisa é

Tudo o que quer é

Tudo o que precisa é amor.

Tudo que você precisa é

O que você quer é

Tudo que precisa é amor.


Todos os dias

Todos os dias

Oh, todos os dias...


Erga-me amor

Eleve-me amor

Erga-me amor

Todos os dias...


Do fundo pra cima, todos os dias

Até o topo, todos os dias

Erga-me amor

Eleve-me amor

Erga-me amor

Todos os dias




Everyday
Dave Matthews Band

.

sábado, 21 de junho de 2008

Pudesse...


"Então desenho o teu corpo em mim
A forma da tua mão em mim
Pudesse ser essa a forma do mundo inteiro"

.

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Barulho...confusão...



Ponho as mãos nos ouvidos...
Tento estancar com as mãos
todo o barulho que se faz fora...
Paro...
Tento entender se consegui...
Já não ouço nada...
Nada do barulho exterior...
Porque barulho, esse, ainda existe...

Está uma grande confusão...
Muito barulho...
Barulho até demais...
Demais para me deixar ouvir...
Ouço tudo e não ouço nada...

Dou-me conta de que ultimamente
tenho sobrevivido...
A vida, essa, está ao frio, lá fora...
Bate constantemente para tentar entrar...
Mas o barulho não me deixa entender isso...

Ultimamente
apenas tenho respondido a obrigações...
Quero mais...
Não me basta estudar...
Não me basta entender
porque dois mais dois sao quatro...
Não me basta saber que cinco é errado...

Quero sentir-Te cá dentro...
Mas pareces ter voado para fora...
Nem sempre consigo
saber a resposta à tudo e de tudo...
Mesmo sabendo que existem coisas
das quais a resposta não precisa de existir...
Mesmo sabendo
que com livro de instruções
nada disto teria sentido ou mesmo valor...

Tenho uma grande necessidade
de saber mais de Ti...
Quero-Te conhecer...
Deixas-me?
Mesmo que sejas uma invenção...
Alguém criou essa invenção...
E era Humano como eu...
E sendo ou não...
Tens muito valor...
És diferente, és especial...

Preciso de calma...
Preciso de entender
que estás no cantinho mais sereno da casa...
Preciso de entender
que se neste momento não sei
se vou para a esquerda ou para a direita
que no momento saberei...

Preciso de encontrar-Te em mim...

O barulho acalmou...
Voou...

É sempre assim...


.

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Gestos e Palavras


Não sei se isto faz sentido para ti... mas, para mim, tem feito cada vez mais...

Existem muitas PALAVRAS, muitos "dizeres" que, não podem viver sem ser entrelaçados com GESTOS e "fazeres"...como também... existem muitos GESTOS que não sobrevivem sem PALAVRAS...


Algumas PALAVRAS sem GESTOS... alguns GESTOS sem PALAVRAS... deixam mesmo de fazer sentido e acabam por morrer...

Acredito que tal como eu... também tu... muitas vezes tenhas dificuldades relativamente a isto...

Não basta um pai dizer a um filho (e quem diz um filho, diz um amigo, um namorado, um outro tipo de relação) que gosta muito dele...se na realidade... não passar tempo nenhum na construção do relacionamento entre os dois... se não lhe mostrar por mimos, carinho, abraços... o quanto gosta dele...

E o mesmo acontece quando mostramos a um amigo por inúmeras manifestações de carinho aquilo que ele nos faz trazer por dentro... se não deixarmos sair palavras que o digam... que lhe cheguem aos ouvidos... que lhe soem dentro, mostrando-lhe aquilo que sentimos por ele...
Como diz um amigo meu... não basta sabê-lo é preciso dizê-lo... :)

E... claro... achamos muitas vezes... que nem os GESTOS nem as PALAVRAS são suficientes... mas vale sempre a pena tentar...

E é tão importante (para mim) que ambos (GESTOS e PALAVRAS) sejam coerentes... e sempre com VERDADE... porque só assim faz sentido... :D


.

quarta-feira, 4 de junho de 2008

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Inverte a ordem...



Reparaste bem?
Acho que não...

Às vezes é tão "asqueroso" assim à primeira vista...que desatas a correr sem ver bem aquilo que realmente tens à tua frente...e tu fazes sempre a mesma coisa...sempre...corres e só depois paras para olhar...

Talvez não fosse má ideia inverter a ordem...

.